30 de set de 2012

Abertas inscrições para o Conexão Artes Visuais MinC/Funarte/Petrobras

Programa vai contemplar 20 projetos com prêmios de R$ 45 mil

Inscrições até 31 de outubro de 2012
Inscrições até 31 de outubro de 2012
 
Estão abertas as inscrições para a terceira edição do Conexão Artes Visuais MinC/Funarte/Petrobras. Com investimento total de R$ 1,5 milhão, o programa viabilizará a realização de obras, mostras, palestras, seminários, debates, oficinas, residências, mapeamentos, publicações e exposições, entre outras ações de fomento às artes. Ao todo, 20 proponentes serão contemplados e cada um deles vai receber R$ 45 mil para colocar o seu projeto em prática. As inscrições, gratuitas, estão abertas até o dia 31 de outubro de 2012, para pessoas físicas ou jurídicas de todo o país.

Os proponentes têm total liberdade para escolher o tema de seus projetos, assim como o local onde serão desenvolvidos. O objetivo é contemplar projetos de produção artística experimental, de reflexão crítica e de profissionalização dos processos de gestão cultural. As atividades e os produtos gerados por meio do edital serão oferecidos gratuitamente ao público. “Em sua terceira edição, o Conexão torna ainda mais democrático o acesso às artes visuais, abrindo oportunidades para que artistas e produtores de todo país possam viabilizar os seus projetos e multiplicar essas ações por diversos estados brasileiros”, diz o presidente da Funarte, Antonio Grassi.
A análise dos projetos inscritos será feita por uma comissão composta por cinco integrantes de notório saber sobre a produção nacional na área das artes visuais. Serão avaliadas a excelência dos projetos, a exequibilidade dos prazos propostos, a estratégia de planejamento das ações e a divulgação para o público-alvo.
Em suas duas primeiras edições, o programa Conexão Artes Visuais viabilizou 65 projetos de fomento às artes visuais.  Museus ampliaram seus acervos, produtores montaram seminários, oficinas e exposições, artistas produziram pesquisas e obras de arte. Juntas, as duas edições atingiram um público direto de mais de 141 mil pessoas e um público indireto de mais de 3,8 milhões pessoas. Ao todo, foram 580 ações gratuitas diretas e indiretas, entre encontros, debates, exposições, mostras, oficinas, intervenções e palestras. Os projetos envolveram 1.444 profissionais no total, entre artistas, produtores, críticos, curadores, profissionais técnicos etc. O programa promoveu, assim, a geração de empregos, o intercâmbio entre artistas, críticos e produtores e a formação de público.
Acesse aqui o edital e arquivos relacionados
Mais informações
conexao@funarte.gov.br

29 de set de 2012

Curso para professores Uergs/MARGS - Aula 04

Hoje tivemos a aula 4 do nosso curso!

Iniciamos a manhã com um relato histórico sobre o Núcleo Educativo do museu feito pela Coordenadora do Núcleo Vera Lúcia Machado da Rosa, as diversas ações e atividades que foram desenvolvidas desde a criação do museu.

Seguimos a aula com o debate sobre o texto de Luis Camnitzer " O artista, o cientista e o mágico", extraído da revista Humboldt 104, e a manhã foi curta para tantas questões e debates que sugiram.

Na próxima sexta dia 5 tem mais!

A artista Helene Sacco virá nos falar sobre o seu trabalho que participa da exposição atual do museu, Economia da montagem, e apresentar sua produção.
Participe!




Ano do Brasil em Portugal: Edital de Música

Setenta e duas atrações musicais serão selecionadas para compor a programação do Espaço Brasil.


De 16 de agosto a 05 de outubro, músicos e grupos musicais brasileiros poderão se inscrever para participar da programação do Ano do Brasil em Portugal no período de janeiro a junho de 2013. O concurso é uma realização do Ano Brasil-Portugal, possibilitando que artistas e produtores participem do processo de construção da agenda do Espaço Brasil, de forma transparente e democrática. Cada uma das setenta e duas atrações selecionadas por este edital receberá R$ 10.000,00 (dez mil reais) brutos pela realização de um espetáculo dentro da programação musical do Brasil em Portugal.

28 de set de 2012

Cadastro Nacional dos Negociantes de Antiguidades e Obras de Arte - CNART

Para conhecer:
cnart

obraCadastro Nacional dos Negociantes de Antiguidades e Obras de Arte - CNART é um sistema informatizado gerenciado pelo IPHAN. Seu objetivo é armazenar os dados de identificação pessoal dos negociantes, bem como dos objetos por eles comercializados, em cumprimento com os Artigos 26 e 27 do Decreto-Lei n° 25/1937.

Devem cadastrar-se no CNART os negociantes (pessoas físicas e pessoas jurídicas) e os agentes de leilão que exerçam, individualmente ou em sociedade empresarial, as atividades de compra, venda direta, em consignação, leilão, agenciamento, comércio eletrônico, importação ou exportação, ou por qualquer outra forma de contratação, de objetos de antiguidade, de obras de arte de qualquer natureza, de manuscritos e livros antigos ou raros.

Saiba mais sobre a legislação que incide no comércio de antiguidade e de obras de arte em Documentos de Referência.





24 de set de 2012

Palestra e visita guiada sobre exposição Economia da Montagem

Do site do MARGS


AAMARGS promove palestra e visita guiada sobre exposição Economia da Montagem
de 25 de Setembro de 2012 a 25 de Setembro de 2012
Auditório Margs

A Associação dos Amigos do MARGS — AAMARGS — realiza palestra sobre a exposição Economia da Montagem: Monumentos, Galerias, Objetos. O encontro é dia 25 de setembro, às 16h, no auditório do Museu de Arte do Rio Grande do Sul Ado Malagoli (MARGS), com entrada franca. O evento inclui palestra e visita guiada com o curador-chefe do MARGS, José Francisco Alves. Na ocasião será sorteado entre os sócios da AAMARGS o livro de arte Obra e escritos, de Heloísa Schneiders da Silva. A entrada é gratuita.

Economia da Montagem

A exposição Economia da Montagem: Monumentos, Galerias, Objetos, está em cartaz na Pinacoteca e nas galerias do 1º piso do MARGS. A mostra representa a produção artística brasileira e estrangeira do acervo do museu, a partir de meados do século 20 até a contemporaneidade, assim como uma representação com cinco artistas convidados a realizar trabalhos específicos. Entre eles, o artista Almandrade — em sua primeira exposição no Rio Grande do Sul — com uma obra inédita, concebida em 1979, intitulada Monumento à Arquitetura Moderna, que integrará o acervo do MARGS.

Outro destaque da exposição é a Mostra Reduções do Sentido — um espaço de exposição dentro do outro, com curadoria e temáticas próprias, abordando o aparato ideológico dos museus, a partir de objetos ilegais provenientes do contexto prisional e pertencentes ao Museu Dr. José Faibes Lubianca e ao Presídio Central, tais como armas de fogo e armas brancas.

As duas exposições têm curadoria de José Francisco Alves e estão abertas ao público de 21 de agosto a 28 de outubro, de terças a domingos, das 10h às 19h, com entrada gratuita.

O quê: Palestra e visita guiada Economia da Montagem: Monumentos, Galerias, Objetos.
Quando: 25 de setembro (terça-feira), às 16 horas.
Local: Auditório do MARGS (Praça da Alfândega, s.n.).
Entrada Franca, com sorteio de livro.

19 de set de 2012

Uergs em Montenegro promove Seminário para revisão do currículo dos cursos de Artes

Do site da Uergs

Clique na imagem para ampliar
A partir da próxima segunda-feira, 17/9, professores dos cursos de Artes da Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (Uergs) se reunirão para discutir sobre a revisão do currículo dos cursos, oferecidos na Unidade em Montenegro. O Seminário Lugares da Formação em Arte: Pistas para pensar um currículo, será desenvolvido durante três encontros, nos dias 17, 24 e 28 de setembro, nos Teatros Therezinha Petry Cardona e Roberto Atayde Cardona.

A Unidade da Uergs em Montenegro oferece Cursos de Licenciatura em Artes Visuais, Licenciatura em Dança, Licenciatura em Música e Licenciatura em Teatro. De acordo com Igor Simões, coordenador do projeto do Seminário, desde a sua criação, os cursos de Artes da Uergs têm se configurado como estratégicos para o desenvolvimento artístico e cultural da região. “Torna-se cada vez mais urgente uma revisão das práticas adotadas com vistas à adaptação dos cursos às novas demandas, mediante as transformações trazidas pela tecnologia, mudanças produzidas no próprio campo artístico, além das novas tarefas que surgem na agenda da educação contemporânea”, lembra Simões.
O Seminário pretende configurar este espaço de tempo de escuta, estudo, debate e aprofundamento das questões que tangencialmente já ocupam salas de aula, de ensaio, ateliês e os corredores da instituição. “Ensaiar novas possibilidades e estabelecer novos lugares de onde se vê e pensa os processos, são fazeres inerentes ao ato de criação artística e indispensáveis para a construção e reformulação do ato de ensinar e aprender arte em uma Universidade que tem buscado ocupar o lugar solicitado pela comunidade”, ressalta.
 Confira a programação do Seminário:
17 de setembro
Qual o currículo que temos e queremos (e podemos ter)? Especificidades e
compartilhamentos entre as formações em Teatro, Dança, Música e Artes
Visuais.
Debatedores: Prof. Gilberto Icle (UFRGS), Prof.ª Paola Basso Menna
Barreto Gomes Zordan (UFRGS), Prof.ª Maria Cristina Duarte
Falkembach (UFPel) , Prof.ª Jusamara Vieira Souza (UFRGS).
Provocador: Prof.ª Mariane Rotter (Uergs)
Horário: 19h-22h30
Local: Teatro Terezinha Petry Cardona
 24 de setembro
Currículo, Interdisciplinaridade, transdisciplinaridade e outros
atravessamentos: conceitos, apontamentos e possibilidades de fazimentos.
Debatedores: Prof.ª Sandra Mara Corazza (UFRGS), Prof.ª Úrsula Rosa
da Silva (UFPel)
Provocador: Prof. Eduardo Guedes Pacheco (Uergs)
Horário: 19h-22h30
Local: Teatro Roberto Atayde Cardona
 28 de setembro
Olhares sobre o nosso currículo: funcionamentos e fraturas.
Debatedor: Prof.ª Carmen Lúcia Capra (Uergs), Prof. Carlos Roberto
Mödinger (Uergs), Prof.ª Sílvia da Silva Lopes (Uergs), Prof.
Daltro Keenan Júnior (Uergs) e representação discente.
Provocador: Prof. Igor Moraes Simões
Horário: 19h-22h30
Local: Teatro Terezinha Petry Cardona

..............................

Saiu na mídia:
Jornal Ibiá – 21/09
Seminário fará revisão dos cursos da Uergs

16 de set de 2012

O Jogo - CRIE SUA CONSTELAÇÃO - Trigésima Bienal


Trigésima Bienal Jogo Educativo 
Você está convidado a criar sua própria constelação, publicá-la em mídias sociais, mostrar a seus amigos e descobrir constelações criadas por muitas outras pessoas.


Na 30ª Bienal – A iminência das poéticas, a curadoria pensou em constelações, nas quais as obras de artistas se relacionam de alguma maneira. Sua disposição no espaço, a proximidade ou distância entre as obras nos ajudam a perceber novos aspectos dos trabalho, suas semelhanças ou diferenças. Quando nos deparamos com uma obra de arte, às vezes, pensamos sobre a forma como lidamos com as palavras no nosso dia a dia, sobre as coisas que sentimos e acreditamos. Podemos também pensar por que guardamos coisas de um jeito ou de outro, pensar se o significado delas se transforma quando mudam de lugar. Talvez ao observarmos algumas obras, nos lembremos de quando andamos e começamos a observar o mundo a nossa volta, de quando festejamos e comemoramos algo. Algumas constelações nos levam a refletir sobre o que vemos quando parece que não há “nada” para ver ou sobre o que acontece cada vez que deixamos que algo aconteça. Existem tantas formas de juntar artistas quanto de fazer desenhos com as estrelas. Que tal criar a sua própria constelação com obras de artista da 30ª Bienal – A iminência das poéticas?

ConstelaçãoConstelações são conjuntos de estrelas próximas umas às outras. Foram criadas por astrônomos que, ao observar o céu noturno, perceberam que, traçando linhas imaginárias entre as estrelas, criavam os mais variados desenhos. O que você vê quando olha para o céu em uma noite estrelada? Em diversos lugares as coisas são organizadas a partir de um determinado critério. Nas bibliotecas, por exemplo, os livros costumam ser dispostos por assuntos e autores; nas escolas, as classes são divididas por idade. Nós mesmos, quando temos uma coleção, inventamos um motivo e uma forma especial para organizá-la. Que outras coisas podemos agrupar?

.........................


Saiba como criar
Veja como criar sua constelação, passo a passo:
  1. Escolha uma imagem da lista e a arraste para a área da constelação (ao lado direito da tela), colocando-a onde você quiser.
  2. Você pode aumentar ou diminuir a imagem escolhida. Basta clicar com o mouse no canto inferior direito da foto.
  3. Insira quantas imagens quiser
  4. Você pode trocar as imagens de lugar sempre que quiser.
  5. Se mudar de ideia, é só clicar com o mouse sobre o "X" para apagar a imagem.
  6. Quando ficar satisfeito, clique em "publicar".
  7. Você poderá compartilhar sua constelação com seus amigos por meio de diversas redes sociais.
  8. Se quiser, também poderá fazer download de sua imagem.

Acessar o Jogo

14 de set de 2012

Curso de formação para professores - Aula 1

Começou hoje!

Curso de formação para professores da Ação Educativa Uergs/MARGS.

Amanhã tem mais, aparece!




Museu de Arte do Rio Grande do Sul
Praça da Alfândega, s/n, Centro, Porto Alegre/RS
informações: educativo@margs.rs.gov.br

9 de set de 2012

Uergs promove 2º Encontro de Educação Musical do Rio Grande do Sul

Do site da Uergs:

A Pró-Reitoria de Extensão da Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (Proex/Uergs) estará promovendo, de 21 a 23 de novembro, o 2º Encontro de Educação Musical do Rio Grande do Sul (2º EEMRS). Com a temática “Educação Musical e Interdisciplinaridade: desafios e possibilidades para o ensino de música”, o evento ocorrerá no Santander Cultural, Rua Sete de Setembro, n° 1028, em Porto Alegre. Interessados em apresentar trabalhos têm prazo para envio até 2 de setembro de 2012, sendo a divulgação dos resultados em 2 de outubro.
Pesquisadores, professores, profissionais, estudantes da área de educação musical e interessados em geral poderão enviar trabalhos para o 2º EEMRS. O Encontro é destinado a professores, alunos e interessados em discutir educação musical e simboliza o apoio da Uergs para a realização de eventos com vistas à potencialização das discussões acerca da Lei 11.769/2008, que torna obrigatório o ensino de música na Educação Básica, e entrou em vigor neste ano, provocando novas reflexões e perspectivas para profissionais da área.
O 2º EEMRS tem a coordenação de Cristina Rolim Wolffenbüttel e pretende promover a discussão sobre o ensino de música na educação básica, aprofundar a legislação a respeito, promover o debate teórico-metodológico sobre educação musical no Brasil e no mundo, bem como partilhar experiências em educação musical. Cristina destaca a importância da partilha dos trabalhos durante o Encontro, bem como do debate que o evento deverá originar. “É preciso repensar o currículo e procurar novas alternativas para a inserção da música na escola, e para isso, a Comissão Organizadora pretende receptar todas as iniciativas e promover palestras de profundo interesse acadêmico”, disse.

A programação contará com paineis, palestras, comunicações orais, apresentações artísticas e sessões de autógrafos. O evento é inteiramente gratuito e fornecerá certificados. Os trabalhos devem ser enviados à Coordenação do Comitê Científico, por meio do endereço eletrônico: eemrs@yahoo.com.br.

Confira o calendário de prazos e as normas para submissão e aprovação de trabalhos:

Atividade
Data

Envio dos trabalhos
Até 09/09/2012
Avaliação dos trabalhos pelo Comitê Científico
Até 29/09/2012
Divulgação dos resultados preliminares da avaliação dos trabalhos
02/10/2012
Envio da versão final dos trabalhos aprovados
Até 14/10/2012
Divulgação final dos trabalhos aprovados para serem apresentados
15/10/2012
Normal 0 21 false false false PT-BR X-NONE X-NONE
Uergs promove 2º Encontro de Educação Musical do Rio Grande do Sul
Prazo para submissão de trabalhos é até 9 de setembro.

A Pró-Reitoria de Extensão da Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (Pró-Ext/Uergs) estará promovendo, de 21 a 23 de novembro, o 2º Encontro de Educação Musical do Rio Grande do Sul (2º EEMRS). Com a temática “Educação Musical e Interdisciplinaridade: desafios e possibilidades para o ensino de música”, o evento ocorrerá no Santander Cultural, Rua Sete de Setembro, n° 1028, em Porto Alegre. Interessados em apresentar trabalhos têm prazo para envio até 2 de setembro de 2012, sendo a divulgação dos resultados em 2 de outubro.
Pesquisadores, professores, profissionais, estudantes da área de educação musical e interessados em geral poderão enviar trabalhos para o 2º EEMRS. O Encontro é destinado a professores, alunos e interessados em discutir educação musical e simboliza o apoio da Uergs para a realização de eventos com vistas à potencialização das discussões acerca da Lei 11.769/2008, que torna obrigatório o ensino de música na Educação Básica, e entrou em vigor neste ano, provocando novas reflexões e perspectivas para profissionais da área.
O 2º EEMRS tem a coordenação de Cristina Rolim Wolffenbüttel e pretende promover a discussão sobre o ensino de música na educação básica, aprofundar a legislação a respeito, promover o debate teórico-metodológico sobre educação musical no Brasil e no mundo, bem como partilhar experiências em educação musical. Cristina destaca a importância da partilha dos trabalhos durante o Encontro, bem como do debate que o evento deverá originar. “É preciso repensar o currículo e procurar novas alternativas para a inserção da música na escola, e para isso, a Comissão Organizadora pretende receptar todas as iniciativas e promover palestras de profundo interesse acadêmico”, disse.
A programação contará com paineis, palestras, comunicações orais, apresentações artísticas e sessões de autógrafos. O evento é inteiramente gratuito e fornecerá certificados. Os trabalhos devem ser enviados à Coordenação do Comitê Científico, por meio do endereço eletrônico: eemrs@yahoo.com.br.

Confira o calendário de prazos e as normas para submissão e aprovação de trabalhos:


Atividade
Data

Envio dos trabalhos
Até 09/09/2012
Avaliação dos trabalhos pelo Comitê Científico
Até 29/09/2012
Divulgação dos resultados preliminares da avaliação dos trabalhos
02/10/2012
Envio da versão final dos trabalhos aprovados
Até 14/10/2012
Divulgação final dos trabalhos aprovados para serem apresentados
15/10/2012

>> Chamada de Trabalhos


>> Chamada de Trabalhos

8 de set de 2012

120 títulos acadêmicos em formato digital para download gratuito


A notícia completa está disponível no Portal Brasil Cultura

O Portal da Cultura Brasileira – Brasil Cultura através da Universidade Estadual Paulista (UNESP), e da Cultura Acadêmica (um dos braços de sua editora principal), está disponibilizando 120 títulos acadêmicos em formato digital para download gratuito. Os livros estão divididos em 23 áreas do conhecimento e são voltados para estudantes de graduação e pós-graduação que precisam de material de apoio para desenvolver projetos acadêmicos.

Confira quais são os livros disponibilizados pela Cultura Acadêmica:

6 de set de 2012

Hemeroteca Digital Brasileira - acervo de periódicos

Início 
 
Cinco milhões de páginas digitalizadas à disposição dos interessados. Assim é a Hemeroteca Digital Brasileira, lançada oficialmente na última semana e disponível para consulta gratuita no site da Biblioteca Nacional.
A Fundação Biblioteca Nacional oferece aos seus usuários a Hemeroteca Digital Brasileira, portal de periódicos nacionais que proporciona ampla consulta, pela internet, ao seu acervo de periódicos - jornais, revistas, anuários, boletins etc. - e de publicações seriadas.
Na Hemeroteca Digital Brasileira pesquisadores de qualquer parte do mundo passam a ter acesso, inteiramente livre e sem qualquer ônus, a títulos que incluem desde os primeiros jornais criados no país - como o Correio Braziliense e a Gazeta do Rio de Janeiro, ambos fundados em 1808 - a jornais extintos no século XX, como o Diário Carioca e Correio da Manhã, ou que não circulam mais na forma impressa, caso do Jornal do Brasil.
Entre as publicações mais antigas e mesmo raras do século XIX estão, por exemplo, O Espelho, Reverbero Constitucional Fluminense, O Jornal das Senhoras, O Homem de Cor, Marmota Fluminense, Semana Illustrada, A Vida Fluminense, O Mosquito, A República, Gazeta de Notícias, Revista Illustrada, O Besouro, O Abolicionista, Correio de S. Paulo, Correio do Povo, O Paiz, Diário de Notícias, e também os primeiros jornais das províncias do Império.
Quanto ao século XX, podem ser consultadas revistas de grande importância como Careta, O Malho, O Gato, Revista da Semana, Klaxon, Revista Verde, Diretrizes e jornais que marcaram fortemente a história da imprensa no Brasil, como A Noite, Correio Paulistano, A Manha, A Manhã e Última Hora.
Periódicos de instituições científicas também compõem um segmento especial do acervo já disponível. São alguns deles os Annaes da Escola de Minas de Ouro Preto, O Progresso Médico, a Revista Médica Brasileira, os Annaes de Medicina Brasiliense, o Boletim da Sociedade de Geografia do Rio de Janeiro, a Revista do Instituto Polytechnico Brasileiro, a Rodriguesia: revista do Jardim Botânico do Rio de Janeiro, o Jornal do Agricultor, entre muitos outros. O pesquisador pode consultar também outras modalidades de publicação, como o Boletim da Illustríssima Câmara Municipal da Corte, os Relatórios dos Presidentes das Províncias (no Império) o Boletim do Museu Paraense de História Natural e Ethnographia, a Revista do Archivo Público Mineiro, a Gazeta dos Tribunaes: dos juízes e factos judiciaes, do foro e da jurisprudência (Rio de Janeiro) etc.
A consulta, possível a partir de qualquer aparelho conectado à internet, é plena e avançada. Pode ser realizada por título, período, edição, local de publicação e palavra(s). A busca por palavras é possível devido à utilização da tecnologia de Reconhecimento Ótico de Caracteres (Optical Character Recognition - OCR), que proporciona aos pesquisadores maior alcance na pesquisa textual em periódicos. Outra vantagem do portal é que o usuário pode também imprimir em casa as páginas desejadas.
Além da chancela do Ministério da Cultura, a Hemeroteca Digital Brasileira é reconhecida pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação e tem o apoio financeiro da Finep, o que tornou possível a compra dos equipamentos necessários e a contratação de pessoal para a sua criação e manutenção. Neste momento do lançamento do portal - julho de 2012 -, são cinco milhões de páginas digitalizadas de periódicos raros ou extintos à disposição dos pesquisadores, número que se multiplicará com a continuidade da reprodução digital.
(Informações da Biblioteca Nacional)

5 de set de 2012

Cartilha de Segurança para Internet

1. Segurança na InternetNavegar é preciso, arriscar-se não!

A Cartilha de Segurança para Internet contém recomendações e dicas sobre como o usuário pode aumentar a sua segurança na Internet. O documento apresenta o significado de diversos termos e conceitos utilizados na Internet e fornece uma série de recomendações que visam melhorar a segurança de um computador.

 Acesse a Cartilha!


3 de set de 2012

Convênio entre Uergs e MARGS




Museu de Arte do Rio Grande do Sul e Universidade Estadual do Rio Grande do Sul no lançamento do convênio da Ação Educativa MARGS-UERGS apresentam:

Diálogos sobre Museu, Arte e Educação

Convidados:

Camila Monteiro Schenkel (Projeto Educativo Fundação Iberê Camargo)

Igor Simões (Prof. Assistente Artes Visuais UERGS - Ação Educativa UERGS/MARGS)
Maria Helena Gaidzinski (Ação Educativa Santander Cultural)
Paola Zordan (Prof. Adjunta da Faculdade de Educação-UFRGS)
Vera Lúcia Machado da Rosa (Núcleo Educativo MARGS)
Provocadora: Carmen Capra (Prof. Assistente Artes Visuais UERGS - Ação Educativa UERGS/MARGS)

Data: 15 de setembro - 14hs às 18h

Local: Museu de Arte do Rio Grande do Sul Ado Malagoli (MARGS) - Auditório

Praça da Alfândega s/nº - Centro, Porto Alegre - RS
 ............................

Notícia no site da Uergs: aqui.